Desempenho da gestão de recursos previdenciários em Sergipe é destaque nacional, aponta Fundação de Previdência Complementar

21 de abril de 2023 10:38. Atualizado há 1 anos.

Em comparação aos mais de 300 Fundos de Entidades Fechadas de Previdência Complementar, a rentabilidade do Fundo de Previdência Complementar – Sergipe foi de 66% acima da média nacional do mercado, durante o primeiro trimestre de 2023; e de 59,30% acima da média nacional do mercado, nos últimos 12 meses, de março/2022 a março/2023.

A análise é do Comitê de Investimentos da PrevNordeste, Fundação de Previdência Complementar, sem fins lucrativos, e do qual são membros o diretor-presidente do SergipePrevidência, José Roberto de Lima Andrade, e o diretor administrativo financeiro, Normando Guimarães.

“Outro destaque é a Rentabilidade Acumulada dos recursos do SergipePrevidência, que foi superior à Meta Atuarial, no primeiro trimestre de 2023: em janeiro, foi 0,55% acima da média; em fevereiro, 0,70% acima da média; e no mês de março, 1,04% acima da média”, ressalta José Roberto de Lima.

O gestor complementa acerca da continuidade do empenho nos trabalhos desenvolvidos pelo órgão. “Conquistarmos um excelente desempenho na gestão do Fundo de Previdência Complementar; ultrapassarmos a Meta Atuarial na gestão dos recursos institucionais; e palestrarmos no maior congresso nacional de Investimentos em Previdência, em Florianópolis/Santa Catarina [no último mês de março] refletem a capacidade de gestão de recursos do SergipePrevidência, que tem sido reconhecida nacionalmente”, conclui José Roberto.

José Roberto de Lima
Normando Guimarães | Foto Erick O’Hara
SergipePrevidência | Foto: Marco Vieira
Pular para o conteúdo