Aulas do Melhor Idade do SergipePrevidência são retomadas

18 de janeiro de 2023 08:26. Atualizado há 1 anos.

Aposentados e pensionistas do Governo do Estado retomaram as aulas do Melhor Idade nesta terça-feira, 17, no auditório da Codise. O objetivo do programa é oferecer mais lazer e bem-estar físico e mental para mais de 70 participantes, residentes em vários municípios sergipanos. Distribuídos em grupos, os beneficiários têm direito aos projetos TerapiaPrev, DançaPrev e CoralPrev, esses dois últimos conhecidos por apresentações marcantes dentro do Estado, sob regência de Daniel Freire.

“É uma iniciativa muito importante, porque é uma forma de retribuir os serviços prestados pelos servidores, em um propósito de qualidade de vida através desses serviços essenciais. [Acredito que] para eles tem sido uma experiência maravilhosa”, disse o regente do CoralPrev.

Participar de manifestações culturais, durante encontros semanais, é também um ambiente de socialização e integração, onde os participantes podem exprimir suas tensões e viver uma vida mais leve. “A integração é o essencial. Vim morar em Sergipe, depois de longa temporada no Rio de Janeiro e, aqui, me encontrei. Nunca havia cantado, nem debaixo do chuveiro, mas soltar a voz e conhecer pessoas novas está sendo uma experiência sensacional”, falou o coralista Ademir Tavares, de 77 anos.

Realizado às terças e quintas-feiras, não são só os idosos que comemoram a retomada do projeto. Para a professora de dança, Sara Letícia, a troca de experiências tem contagiado o seu trabalho. “É muito tempo de experiência na dança, mas cada um com sua particularidade, trazendo seus desafios. Muitos chegam para mim só querendo dançar, outros por indicação de médicos. Então, esse é um momento de relaxar, já que a dança mexe com o psicológico e o corpo das pessoas”, garantiu.

A biomédica aposentada Gleide Selma reforçou a importância de manter o corpo em atividade, mesmo após a aposentadoria. “A cada dia, nós temos uma experiência nova. Tudo que tem ritmo e música acaba colocando novas emoções em nossas vidas. O nosso cérebro precisa de novas emoções, principalmente, quando se trabalha o corpo, como é o meu caso, no DançaPrev”, afirmou.

Quem também fez questão de falar sobre os benefícios que o programa trouxe para sua vida foi a pedagoga aposentada Angela Machado. “Para nós, independentemente da idade, esse programa significa estimular a nossa criatividade, porque a arte é fundamental para o bem-estar de qualquer pessoa e o canto coral é algo que nos engrandece enquanto pessoa, pois revigora os nossos neurônios”, frisou a idosa de 66 anos.

Inscrições

As inscrições para o DançaPrev e TerapiaPrev seguem abertas e devem ser feitas por formulários digitais disponíveis na aba Serviços do site. Cada projeto tem seu formulário digital de inscrição específico.

Mais informações: 79 3198-0800 e melhoridade@sergipeprevidencia.se.gov.br.

*Agência Sergipe de Notícias

Programa Melhor Idade | Foto: Igor Matias/ASN
Foto: Igor Matias/ASN
Foto: Igor Matias/ASN
Foto: Igor Matias/ASN
Angela Machado | Foto: Igor Matias/ASN
Ademir Tavares | Foto: Igor Matias/ASN
Gleide Selma | Foto: Igor Matias/ASN
Professora do DançaPrev, Sara Letícia | Foto: Igor Matias/ASN
Regente do CoralPrev, Daniel Freire | Foto: Igor Matias/ASN
Foto: Igor Matias/ASN
Foto: Igor Matias/ASN
Foto: Igor Matias/ASN
Foto: Igor Matias/ASN
Foto: Igor Matias/ASN
Foto: Igor Matias/ASN
Foto: Igor Matias/ASN
Foto: Igor Matias/ASN
Pular para o conteúdo